terça-feira, 31 de janeiro de 2012

ACRÓSTICO DO PROGRAMA MÃE CORUJA PERNAMBUCANA



P rograma que veio para ficar
R ealizando mudanças
O nde a esperança chegar
G erando vidas saudáveis
R umo a um grande sonho
A diminuição da mortalidade
M ulheres e crianças terão mais vidas
A semente já foi plantada

M ortes de gestantes e bebês serão evitadas
A través dos cuidados repassados
E m virtude da vida

C om amor e esperança
O nde envolve ação e emoção
R umo a prosperidade maternal
U ni-se força e coragem
J untos arregaçamos as mangas
A lutar em favor da vida

P erseverantes seremos
E nsinando tudo que esteja ao nosso alcance
R aça teremos para lutar
N ão importa as barreiras
A enfrentar
M aior é Deus que nos ajudará
B em aventuradas são as mães
U m "pedacinho" de Deus na Terra
C om dedicação e sabedoria
A través desse lindo Programa
N ascerão tranquilidade e alegria
À s gestantes e bebês de Pernambuco

Autora: Josinete Maria da Silva
Graduada em Letras e pós-graduada em Ensino de Língua Portuguesa
Professora do Círculo de Educação e Cultura do Programa Mãe Coruja Pernambucana em Bonito

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

MULHER



Durante a formação de Educadores Sociais em Serra Talhada, 1º etapa da Ação Nenhuma Pernambucana sem Documentos nesse município, a professora do Círculo Educação e Cultura do Programa Mãe Coruja, Adeilza Pereira Lima Mourato, escreveu a poesia que segue abaixo:




Mulher

A mulher antigamente
Vivia sem descansar
Cuidando da sua casa
E quando todos ao deitar
Ela ainda continuava
A sacudir, a limpar.

Era muito discriminada
De votar não tinha direito
Fazia tudo sozinha
Ainda não estava perfeito
E o marido só cobrava
E tudo era pra dar feito.

Só podia sair de casa
Na companhia do pai ou do marido
Não tinha autonomia
Só cuidava da casa e do cozido
Seu valor não era dado
Eita que tempo sofrido.

Além disso, algumas sofriam
Espancamentos brutais
Não tinha a quem pedir socorro
Se conformava com seus ais
Quem sofreu isso no passado
Agora não sofre mais.

E tinha quem dissesse
Mulher não precisa de educação
Quem sempre falava isso
Era aquele homem machão
Ela esfria a barriga na pia
Quando esquenta no fogão.

Existe a Lei Maria da Penha
Pra defender a mulher
Entre tantos outros direitos
Que ela pode ver qual é
E agora ela só sofre
Humilhação se quiser.

Atualmente a coisa
Está com muita diferença
A mulher mostra seu valor
Com a sua competência
Veja o exemplo de Dilma
Que hoje é presidenta.

Cada um pode ser
O que desejar se tiver fé
Basta querer, ir em frente
Conseguirá o que quer
Eis aí um bom conselho
Bola pra frente mulher

Adeilza Pereira Lima Mourato
Professora do Círculo Educação e Cultura em Serra Talhada

FORMAÇÃO DE EDUCADORES SOCIAIS EM SERRA TALHADA


A 1º etapa da Ação Nenhuma Pernambucana sem Documentos no município de Serra Talhada ocorreu nos dias 23 e 24 de Novembro de 2011. Nesse primeiro momento houve a formação de Educadores Sociais e na segunda etapa, que será realizada no dia 15 de fevereiro de 2012, ocorrerá a emissão de documentos.

Muitos profissionais de Serra Talhada participaram da formação de Educadores Sociais, dentre eles destacam-se: as profissionais do Canto Mãe Coruja (Juslayne Nogueira e Maria Alencar), as professoras do Círculo de Educação e Cultura, os funcionários da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e também da Secretaria Municipal de Agricultura, estudantes da Faculdade de Integração do Sertão – FIS e mulheres cadastradas no Programa Mãe Coruja Pernambucana.



quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

II FEIRA DE SAÚDE DE FERREIROS



A II Feira de Saúde do município de Ferreiros aconteceu no dia 15 de dezembro de 2011, na praça do centro da cidade, onde diversas tendas foram montadas para realizar atendimentos e exposições sobre: Programa Mãe Coruja, Saúde da Mulher, Saúde do Homem, Saúde da Criança, Saúde Bucal, Hipertensão e Diabetes e Academia da cidade. Além disso, houve um carro do LACEN (Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco) fazendo prevenção de câncer de colo de útero.

A Feira de Saúde contou com a presença da Prefeita do município, a Srª. Maria Celma e também com a Secretária de Saúde, a Drª. Nadia Virgínia.

De acordo com a profissional do canto de Ferreiros, Josoilma Carvalho, a feira foi um grande sucesso!


quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

BUSCA ATIVA DE GESTANTES EM LAGOA GRANDE



O Canto Mãe Coruja de Lagoa Grande realizou, no dia 13 de janeiro, busca ativa de gestantes no distrito de Vermelhos. A profissional do canto, Girlândia César, aproveitou o momento para divulgar o Programa Mãe Coruja e esclarecer os benefícios tanto para a mulher quanto para o bebê de uma gestação acompanhada com pré-natal.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

DEPOIMENTO SOBRE O PROGRAMA MÃE CORUJA PERNAMBUCANA



“Eu gosto de vir sempre, pois nós aprendemos muitas coisas, como por exemplo: doenças, como evitar uma gravidez precoce, como cuidar dos nossos filhos.

Tira muitas dúvidas como na palestra da hanseníase, em que eu pensei que esta doença passava pelo contato com a pele, mas aprendi que se pega só por vias respiratórias. Esclarecimento sobre o aleitamento materno.

Este Programa dá muitas oportunidades de aprender várias coisas, como nos cursos de culinária, que é uma coisa que a gente já sabe, mas sempre tem alguma coisa nova para aprender.

Sempre gosto de participar e volto porque criou-se um círculo de amizade que agora vai ser difícil de deixar. No dia que não vou, sinto muita falta e fico curiosa em saber o que aconteceu.

Espero que aconteça cada vez mais cursos como esse de culinária e que a gente como mãe tenha cada vez mais oportunidade de aprender mais.”

Marília Alves da Silva
Mãe Coruja de Renato
Canto Mãe Coruja de Rio Formoso
Marília participa das atividades do Círculos de Educação e Cultura e também do Curso de Qualificação Profissional em Culinária do Programa Mãe Coruja.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

CORDEL DO PROGRAMA MÃE CORUJA




Durante a confraternização das gestantes do Canto Mãe Coruja de Vertentes, no dia 14 de dezembro de 2011, Sula, Agente Comunitária de Saúde (ACS) do PSF de Capela Nova, localizado na zona rural do município, apresentou o cordel que escreveu para o Programa Mãe Coruja.


Cordel do Programa Mãe Coruja

O Programa Mãe Coruja
Tem grande Satisfação
De convidar mamães e gestantes
Para a Confraternização

No folheto eu escrevo os nomes vou lhes dizer
Patrícia, Dulcinéa, Raquel
Isamere e Maria José
Todas elas apresento
A vocês com todo prazer

A equipe Mãe Coruja
Trabalha com tanto prazer
São elas que cuidam tão bem
Da barriga da mulher
Para a futura mamãe
Receber o seu bebê

Por isso elas dedicam
Essa festa com emoção
Para vocês mamãezinhas
De todo bom coração
Essa festa que chamamos de Confraternização

A alegria para nós
É grande de podermos ver
Naquela que cuidamos tanto
Nos seus braços envolver
O seu filhinho querido
Aquele pequeno ser

Porque ser mãe para elas
Será sua maior alegria
A equipe Mãe Coruja
Faz parte dessa alegria

Nossa! Como a equipe Mãe Coruja
Cuida tão bem das gestantes
Esse cuidado redobra
Quando se trata de adolescente

Não é só a Mãe Coruja
Que faz parte da saúde
É um grupo e dentro dele
Todos com muita atitude

O Programa Mãe Coruja
Tem muita capacidade
Atende as mães no município
E também na cidade

Começa com os exames
Todo mês tem pré-natal
No fim da gestação recebe
O seu presente especial

Presente especial esse
Que preenche o coração da mulher
Pois falo do seu bebezinho
Lhe dando o maior prazer

Eu venho de uma cidade pequena
Que chamamos de Vertentes
Onde o Programa Mãe Coruja
É o elo que une nossa corrente

Elo esse que também
Não devemos esquecer
A pessoa do Prefeito
Que junto com Pernambuco
Fez o Programa crescer

O programa Mãe Coruja
Tem seus objetivos em ação
Vertentes com Pernambuco
Beneficiando a população

Benefícios esse
Que alegra o coração
De cada pessoa com seu documento
Tornando um cidadão

Eu digo e não me arrependo
Tudo isso é cidadania
Do Programa Mãe Coruja
Dando a todos alegria

Falo com convicção
Afinal eu tenho idade
Quem nunca ouviu falar
Nos municípios e cidades

Que as crianças morriam
Com a maior facilidade
Hoje o Programa Mãe Coruja
Reduziu a mortalidade

Porque o trabalho das mães corujas
É forte e bem legal
Que dá direitos a todos
No serviço social

Eu falo sem medo de errar
Me desculpem a ousadia
Agradeço em nome das mamães
Essa festa com alegria

A alegria é dessas mães
Que muito felizes estão
De ser tão bem cuidadas
Por vocês de coração

Pernambuco de mil encantos
Terra do frevo e maracatu
É um prazer estar com as mães coruja
Na cidade de Caruaru

Caruaru que acolhe
Os visitantes de coração
Onde todos se divertem
Em junho no maior São João

Assim como o frevo
Em Pernambuco é profundo
Caruaru se orgulha
Do maior São João do mundo

O Programa Mãe Coruja
Tem o imenso prazer
De poder estar todo ano
Com as mamães e os bebês

Aproveito este instante
E falo de coração
Que como os componentes do Mãe Coruja
Tive a minha participação
Fazendo esse folheto
Com muita satisfação
Eu : Sula é quem vos fala
Com amor e emoção

Finalizo meu cordel
Desejando um Feliz Natal
Que 2012 seja para todos um ano especial
Pra todas mães que cuidamos
Esse foi nosso ideal
E para os vossos bebês
Beijinho beijinho
Tchau tchau!

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

POESIA: A ARTE DE SER MÃE

A Arte de Ser Mãe

Mãe
Você é a mais doce e pura criatura
A dedicada esposa, mulher e protetora
Você... Que me permitiu viver e sonhar
Que me amparou e me ensinou a caminhar

Mãe
É seu, o mérito do sucesso que se diz meu
Pois, você soube transmitir com seu amor.
Sem buscar descanso, com alegria e louvor.
A garra de lutar é a grande vontade de vencer!

Mãe
Você plantou em mim a harmonia e a paz.
Soube ensinar-me a ser alguém antes de ter
Você mostrou sempre como amar e perdoar

Mãe
Você... ensinou-me a respeitar e ser respeitado
Você... ensinou-me a ter honra e ser honrada
Você... ensinou-me a sublime arte de ser mãe.

Elisâgela Maria da Silva Bilaço
Mãe Coruja de Joana - 1 ano e 6 meses
Canto Mãe Coruja de Rio Formoso
Poesia confeccionada durante as atividades do Círculo de Educação e Cultura – 2011

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

CONFRATERNIZAÇÃO 2011 DO CANTO MÃE CORUJA DE CALUMBI

O ano de 2011 foi encerrado com muitas confraternizações nos Círculos de Educação e Cultura do município de Calumbi. Os eventos ocorreram de acordo com a programação que segue abaixo:

Dia 20/12 – Houve um jantar para as mães no povoado de Roças Velhas.


Dia 21/12 – Foi realizado um café com prosa para as mães no Sitio Morada.


Dia 22/12 – Houve um café com prosa para as mães na Sede.

Dia 28/12 – Confraternização dos professores, coordenador, articulador e parceiros do Programa no Canto Mãe Coruja de Calumbi.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

NATAL SOLIDÁRIO



No dia 22/12/2011 foi realizado na sede do Canto Mãe Coruja de Serra Talhada o “Natal Solidário”. O evento teve o apoio do Governo Municipal através das Secretarias de Saúde, Educação e Desenvolvimento Social, Círculo de Educação e Cultura e a colaboração de vários comerciantes do município que fizeram doações de brindes. Na comemoração foi servido lanche, guloseimas e houve também distribuição de presentes para todas as mães e crianças que desfrutaram de uma bela tarde festiva com a equipe do Canto de Serra Talhada.


Foi nesse clima de confraternização que as Técnicas do Canto Mãe Coruja de Serra Talhada, Maria Alencar e Juslayne Nogueira, deixaram a mensagem que segue abaixo:


“Chegou o período de um momento doce e cheio de significado para as nossas vidas. É tempo de repensar valores, de ponderar sobre a vida e tudo que nos cerca. É momento de deixar nascer essa criança pura, inocente e cheia de esperança que mora dentro de nossos corações. É sempre tempo de contemplar aquele menino pobre, que nasceu numa manjedoura, para nos fazer entender que o ser humano vale por aquilo que é e faz, e nunca por aquilo que possui. É com este sentimento de gratidão que oferecemos as mães e crianças do Programa Mãe Coruja um Natal repleto de AMOR e ALEGRIA e um ano Novo repleto de PAZ e LUZ em nossos caminhos.”

Esses foram os votos de Maria Alencar e Juslayne Nogueira.




terça-feira, 17 de janeiro de 2012

CONFRATERNIZAÇÃO DOS CÍRCULOS DE EDUCAÇÃO E CULTURA EM BONITO

A Comemoração de Natal dos Círculos de Educação e Cultura do Programa Mãe Coruja do Mutirão e da Vila da Cohab, em Bonito, ocorreu no dia 21 de dezembro de 2011 e foi organizada pela professora Josinete Maria, que contou com a ajuda de José Pedro, um grande admirador do Mãe Coruja Pernambucana.

De acordo com Josinete a comemoração foi muito animada. Houve leitura de uma mensagem de otimismo, dinâmicas, lanche e sorteio de uma cesta do bebê.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

CONFRATERNIZAÇÕES DESCENTRALIZADAS DO CANTO MÃE CORUJA DE SALGADINHO



O Canto Mãe Coruja de Salgadinho realizou confraternizações descentralizadas no final do ano de 2011 nos dias 08, 27 e 28 de dezembro. Os eventos foram realizados para celebrar o Natal e ocorreram, respectivamente, na sede do Canto Mãe Coruja (Centro de Salgadinho), na zona rural de cafundó e na zona rural de queimados (nos circulos de educação e cultura).

Nas confraternizações houve almoço, lanches com tortas e salgados, amigo secreto, sorteio de brindes, que foram doados pela prefeitura municipal e entrega de presentes pela equipe do Canto Mãe Coruja.

De acordo com as profissionais do canto de Salgadinho as mães e gestantes adoraram e já pediram bis para o próximo ano!



sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

FESTA DE CONFRATERNIZAÇÃO DO CANTO MÃE CORUJA QUIPAPÁ

A festa de confraternização de Natal do Canto Mãe Coruja Quipapá foi realizada no dia 15 de dezembro, no Salão Paroquial do município. O evento contou com 65 participantes, dentre eles destacam-se as gestantes e mães cadastradas no Programa Mãe Coruja e também seus familiares.

Durante o evento a Coordenadora Municipal de Ações para as Mulheres de Quipapá, a Sra. Maria Edna dos Santos, realizou uma palestra sobre Os Direitos da Mulher e a Responsabilidade Com os filhos. A assistente social e técnica do Canto Mãe Coruja, Diana Maria, falou sobre a importância do Programa e seus benefícios para a comunidade, enfatizando o monitoramento e o acompanhamento das gestantes e crianças.

Além disso, também foi apresentada uma mensagem de Natal e houve distribuição de brindes, adquiridos por doações, para todas as gestantes e mães. Para finalizar o evento a Secretaria Municipal de Saúde serviu um coquetel para todos os participantes.